Em uma movimentação inesperada, a Câmara dos Deputados aprovou, na noite da última quarta-feira (1º), o Projeto de Lei 2337/21, que altera o Imposto de Renda para pessoas físicas, empresas e investimentos. Neste episódio, nossos consultores Eduardo Martins, Gabriela Rosa, Lucas Fernandes e Mónica Banegas analisam os principais pontos do PL que representa a segunda fatia da Reforma Tributária. Também nesta semana, o Governo Federal anunciou o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica em conjunto com mais um aumento na conta de luz dos brasileiros. O novo Programa trata-se de uma medida voluntária para conscientizar a população. Apesar da nova taxa extra ser de R$ 14,20 pelo consumo de 100 kWh, se houver uma redução no consumo de, no mínimo, 10%, o Governo vai dar um “bônus” aos contribuintes. Nossos especialistas também comentam o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2022 apresentado nesta semana. O texto foi entregue ao Congresso Nacional e prevê a alta de 2,51% no Produto Interno Bruto (PIB) de 2022 e o valor de R$ 1.169,00 de salário mínimo para o próximo ano. Outro ponto de destaque também analisado neste episódio é a repercussão do manifesto “A Praça é dos Três Poderes”, articulado pela a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban). O texto será pulicado por entidades setoriais do setor privado em defesa da democracia e pacificação na política. Entretanto, o documento provocou um mal-estar na Caixa Econômica Federal e no Banco do Brasil, que ameaçaram sair da Federação caso o texto seja divulgado. Confira esse episódio para entender esse e os outros destaques políticos da semana.

Leave a Reply